O que aconteceu na minha vida?

Leia mais

Evolução de estilo das liars

Leia mais

Você já ouviu The Amazons?

Leia mais

24/08/2013

Resenha: "O Lado Bom da Vida" de Matthew Quick


Eu terminei recentemente a minha leitura de “O Lado Bom da Vida”, foi um dos livros que demorei muito para ler, apesar de ter poucas páginas, por um motivo bom motivo: eu tinha que estudar para as provas do colégio. Toda semana eu tenho prova no colégio, então mal lia três capítulos por dia...

Enfim, voltando ao livro, eu fiquei apaixonada pela sinopse do livro e quando comprei estava super ansiosa para ler, mas quando comecei fui me desanimando, vocês vão saber o porquê na resenha abaixo. É uma história legal, mas não diria que a melhor de todas, eu também vou fazer algumas comparações com a adaptação que eu ainda não assistir, mas já sei como é por causa de amigos que viram o filme.

Vejam a minha opinião sobre o livro e espero ajudar vocês, mas vale apena ler ele: 



Resenha: O livro começa com Pat saindo da reabilitação e já no começo você não tem ideia de como ele foi parar lá. A mãe dele consegue na justiça que ele saía de lá para que ela mesma possa cuidar dele. Pat aceita a proposta de sair do “lugar ruim” imaginando assim ficar mais próximo de reencontrar a sua mulher.

O leitor não sabe o porquê que ele foi parar na reabilitação e porque que a mulher deixa ele abandonado. Pat é viciado em exercícios e tudo o que ele faz é em função da sua mulher, ou melhor, para acabar com o “tempo separado” e que a sua mulher volte. Ele acredita que em pouco tempo vai voltar para ela, Nickki, então tudo o que ele fazia quando estavam juntos e que ela não gostava, ele começa a mudar. Começa a ler os livros que ela gostava, começa a tratar e elogiar as pessoas, treinando para ela, e começa a malhar obcessivamente para ter o corpo musculoso de quando se conheceram.

Um dia ele é chamado para um jantar na casa do seu amigo de infância e é lá que ele conhece Tiffany, que perdeu o marido recentemente. Eles viram amigos e é muito engraçada a relação entre os dois, que é um pouco estranha, mais muito divertida de ler. Confesso que às vezes eu sentir a história muito parada e repetitiva, mas fora isso, os personagens são interessantes e como o autor termina a história é mais emocionante.

Eu esperava mais do livro, no começo eu já estava muito irritada com o personagem principal por ele ser tão obcecado por coisas fúteis e ter atitudes estranhas, mas depois eu me acostumei, pois ele estava “mentalmente perturbado”. O livro trabalha com a mente de uma pessoa que passou por um trauma, ou um surto, e é esse o melhor lado do livro.

Talvez eu tenha achado a história um pouco parada por ler com pausas e em um tempo muito longo, mas eu recomendo o livro. Agora pelo o que eu ouvi, dizem que o livro é bem melhor do que o filme, e vou assisti-lo em breve para tirar as minhas próprias conclusões... Eu não achei os personagens tão engraçados, mas me diverti lendo e espero também me diverti assistindo ao filme. 

Espero que tenham gostado da resenha, quem já leu o livro aí? Me contem sobre o que acharam também nos comentários abaixo. 

3 comentários :

  1. olá florzinha!
    não conhecia o livro!!!
    amei a dica!
    mil beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  2. Seu blog é muito bonito. A história eu achei muito bom, bem executar um script, engraçado e inteligente. Abotoaduras entre Jennifer Lawrence e Bradley Cooper me espanta, posso dizer que é um dos melhores filmes do drama Cooper. Atuações ótimas até mesmo dos coadjuvantes Robert De Niro e Jacki Weaver estão ótimos. Uma ótima historia, madura, diferente de todas essas comedias dramáticas/românticas. Vale muito apena acompanhar.

    ResponderExcluir

♥ Deixe seu comentário.
♥ Nada de comentários ofensivos ou divulgação.
♥ Sua opinião é bastante importante.