O que aconteceu na minha vida?

Leia mais

Evolução de estilo das liars

Leia mais

Você já ouviu The Amazons?

Leia mais

19/09/2013

Carta para o cupido


São Paulo, 15 de Setembro de 2013

Caro, Cupido

Hoje em questão, senti uma necessidade muito grande de lhe enviar uma carta,  na verdade é um comunicado de extrema importância, e exijo muita atenção por favor !

Primeiramente quero refrescar a sua memória para que se lembre dos últimos anos. Você consegue se lembrar ?

Espero que você não seja desmemoriado, porque já basta não ter um pingo de inteligência. Enfim , vamos lá. 

Quero que saiba que seu trabalho é péssimo, desculpe lhe informar, mas é a pura verdade. Inicialmente havia recebido boas referências sobre você, e pude saber que pouco errava em suas flechadas, mas querido Cupido, você errou todas, posso até contabilizar, mas não vem ao caso, pois você sabe muito bem o seu erro, só basta admitir.

Desde quando você se propôs à me auxiliar, eu tinha a certeza que você faria o melhor de si, em que na sua primeira flecha, acertaria em cheio, pois bem não acertou, ok  acontece, mas havia uma segunda tentativa, onde eu acreditei que não seria desperdiçada, mas não deu outra,  foram erros sucessivos.  Foi como se eu estivesse falado com a estátua da liberdade atear  fogo com sua tocha, só que com detalhes: "A estátua da liberdade que é você, não se movimentou, e ficou parada,  e só ateou fogo, na qual eu sai queimada, no fim das contas, resumindo: Você não fez é nada".

Sinceramente, já estou cansada de tanto falar com você, poxa você não acerta uma heim ? É castigo ? Fala aí ? 

Eu já estou em ponto de não mais precisar dos seus serviços, porque vamos combinar, é imprestável.  Já não sei se posso confiar em você, tantas promessas em vão, você sempre me diz: 

- Só dessa vez, agora vai dar certo !

- Onde que deu certo, Cupido?

Só se for na sua imaginação, porque não vi acontecer nada. 

Mas sabe que eu andei pensando ? Acho que você deveria tirar umas férias, que tal? Deveria viajar para a Europa e flechar os corações por lá, como Paris por exemplo. Hum Mon Amour !    

Depois das suas merecidas férias você pode voltar, mas é lógico você precisa comprovar que está disposto a não errar mais. Ok ?

Enfim, fico por aqui, quando tiveres a certeza de que flecharas corretamente, você me procura.

Beijos...



Autora: Geh Guimarães, viajante nas suas ideias, lunática ao extremo.



2 comentários :

  1. Ai, eu até fujo de pensar nessas coisas. Cansa as vezes, sabia rs.

    Beijos, Maria Luiza
    Batom nos Dentes

    ResponderExcluir

♥ Deixe seu comentário.
♥ Nada de comentários ofensivos ou divulgação.
♥ Sua opinião é bastante importante.