Inspiração para o verão!

Leia mais

Tirando fotos legais sozinho!

Leia mais

Receitinhas para o verão.

Leia mais

12/03/2016

Namoro na adolecência


Bendita adolescência! Nela os nossos problemas parecem os maiores do mundo, as amizades que fazemos podem tornar-se eternas ou acabar assim que essa “fase” passar.  Pois é, na adolescência que nos apaixonamos diversas vezes – ou talvez poucas –, alguns engatam um namoro sério, outros estão focados em passar no vestibular e tem gente que consegue ser maduro o suficiente para namorar, estudar, conversar com os pais...

Porém, quando a gente tem 14 anos, ou começa a se interessar por algum garoto (a), achamos que sabemos de tudo da vida, que se começar a namorar vamos saber levar o relacionamento e a gente tem a convicção de que as nossas escolhas são as melhores e não precisamos ouvir nossos pais, conselhos e por aí vai.

Não se iluda com isso! Alguns adolescentes tem a cabeça boa, mas, existem umas criaturas que não conseguem passar credibilidade para os pais, claro que isso é relativo. Pensando nesse assunto, decidir fazer um texto aqui no blog sobre minha opinião.

Para início de conversa, eu comecei a namorar com quatorze anos e pedir para os meus pais foi bem complicado, meu namorado da época tinha dezessete e toda a situação de namorar era nova para mim e para eles também. Só que foi tudo bem tranquilo, eles não brigaram comigo, só me aconselharam, conversaram com meu namorado também e permitiram o relacionamento.

Muitas meninas ficam com medo de conversar com os pais e acabam namorando escondido, o que eu acho pior, porque se você sair com seu namoradinho e acaba esbarrando em algum parente, ou conhecido, dos seus pais... Lascou! Sua mãe vai perder a confiança por saber da boca de outra pessoa e a credibilidade vai embora.

Então, converse primeiro com seus pais, ou melhor, converse primeiro com o seu namorado (a) e se você perceber que vai ser “sério” e que é isso que você quer, conte aos seus pais. Agora lembre-se: não adianta apresentar um cara para sua família e durar um mês, e depois apresentar outro e durar uma semana; apresentar para a família não é para qualquer um querida. 


O relacionamento

Nessa idade existe muita insegurança, e a confiança no namoro acaba sendo rasa e fraca. Existem brigas, ciúmes, o famoso “termina e volta”, mas isso é relativo. Tem meninas que são influenciadas e querem namorar por namorar, para dizer que tem um “príncipe encantado” e aquelas que estão solteiras ficam reclamando que “todo mundo tem um namorado” e ela está sozinha. Geeeente, parem com isso, a hora de vocês chega um dia. Eu tenho quase dezenove anos e a única coisa que me preocupa hoje em dia é conseguir pagar minhas contas e passar nas provas da faculdade.

Com o tempo vocês vão perceber que namorar por namorar é tão vazio e sem graça. A gente precisa sim criar experiências, conhecer pessoas, se apaixonar, gostar, sofrer de amor, mas, não deixe que o objetivo da sua adolescência seja arrumar um boy, ok?

Voltando ao assunto, não existe uma regra para fazer a paixão nessa fase dar certo, porém, você pode parar e pensar que você não precisa ter pressa e que as coisas não são eternas. Seu relacionamento pode não durar para sempre e não fique triste em saber disso, é ótimo conhecer outras pessoas, errar e aprender, e se relacionar.

Oh, esse texto ficou muito grande e tem outros diversos tópicos que quero abordar dentro desse assunto, então, vou fazer um vídeo falando um pouco sobre, quem aprovar comenta aqui abaixo, tá? E sei que o texto ficou incompleto, mas, para não ficar muito longo vou discutir esse tema aos poucos. 

Quem aí começou a namorar cedo? Quem aí é novinha e já tá em um relacionamento? Quero saber tudo, beijos. 

5 comentários :

  1. Adorei o texto.Bom a adolecência é uma fase legal e chata da vida.Pois é nela que descobrimos os crushes e as amizades verdadeiras e falsas.

    http://femininaemimada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gostei do post, já passei por essa fase de namorar escondido mas nunca gostei , sempre fui madura e sempre gostei de falar tudo pra minha mãe que facilitou as coisas.
    Tenho 17 anos e as coisas ainda são dificeis rs ainda mais quando bate a carência vários parecem ser o ideal mas as vezes caio na real e vejo que não rs.

    www.sempremorenaantenada.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu entendo, mas - assim como eu - você é nova e cooooom certeza vai aparecer um homem legal na sua vida! ♥

      Excluir
  3. gostei do post (: , bom nunca namorei sério, sempre foi um namoro infantil, sem muitos "pegas" e essas coisas, aos 13 anos eu conheci um cara que era uns 4 anos mais velho, isso é meio vergonhoso, mas eu me apaixonei por ele e ele por mim. Ele era tudo oque eu estava procurando, me respeitava, respeitava meus pais, e era de confiança. Não havia ciúmes e nem muitas brigas, o problema era que ele era igual chiclete, queria saber onde e oque eu estava fazendo. Queria falar comigo praticamente 24 horas por dia, no inicio achei isso fofo, depois eu fiquei com nojo. (risos), agora eu procuro evitar me apaixonar, quero estudar e me divertir sem precisar de alguém pra namorar. Essa coisa de "todo mundo namora e você não" não rola comigo. Namorar para mim é igual casamento, não é com qualquer um.
    você está de parabéns, seus conselhos são valiosos. com certeza esse post estará no link do mês em meu blog hehe^^ beijão!

    http://tonsdesentimentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

♥ Deixe seu comentário.
♥ Nada de comentários ofensivos ou divulgação.
♥ Sua opinião é bastante importante.